BIGtheme.net http://bigtheme.net/ecommerce/opencart OpenCart Templates
Home / Noticia / Balbi investe em recuperação e volta aos treinos com moto

Balbi investe em recuperação e volta aos treinos com moto

Piloto que representa a Pro Tork 2B Kawasaki Racing está de volta às pistas e espera melhorar o máximo possível até a próxima disputa da Superliga Brasil de Motocross

Sessões de fisioterapia, acupuntura e repouso. A rotina monótona de Antônio Jorge Balbi Júnior foi quebrada no último sábado, dia 11, com seu primeiro treino de moto após o acidente sofrido durante a disputa da etapa brasileira do Mundial de Motocross, no fim do mês de maio. Na ocasião, o mineiro deslocou o ombro direito e teve ruptura parcial dos ligamentos.

O piloto foi liberado por seu médico para a realização de dois treinos por semana, intercalados com exercícios físicos dos membros inferiores. “Tenho que ter paciência para não atrapalhar o processo natural de recuperação, mas estou feliz por voltar às pistas. Travei uma batalha diária para recuperar os movimentos, que ainda não estão 100%, e aproveito o tempo para manter o preparo”, afirma.

Seu objetivo é melhorar o máximo possível até a quarta etapa da Superliga Brasil de Motocross, nos dias 25 e 26, em Penha (SC), competição na qual defende a liderança da categoria MX Pró. Balbi espera repetir o resultado da última disputa, quando mesmo sem treino e contra indicação médica, surpreendeu a todos com uma bela vitória.

“Meu médico não ficou muito contente daquela vez, mas eu expliquei que precisava estar lá com ou sem treino para manter-me na briga pelo título. Foi uma grande surpresa, fiquei orgulhoso do resultado, mas com muita dor após a corrida. Estou trabalhando bastante para ficar bem, confio em Deus e sei que logo estarei completamente recuperado”, completa.

O acidente

Antônio Jorge Balbi Júnior foi atingido pelo russo Evgeny Bobryshev logo depois da largada da segunda bateria da MX1. O piloto deslocou o ombro direito com a queda, mas conseguiu sozinho colocá-lo no lugar. Balbi recebeu atendimento imediato e constatou a ruptura parcial dos ligamentos. Apesar do acidente, o piloto alcançou o melhor resultado entre os competidores nacionais na categoria, um 19° lugar na classificação final da etapa brasileira do Mundial de Motocross.

A Pro Tork 2B Kawasaki Racing conta com o apoio de Dash Industries.

?

fonte: Pro Tork / Daniela Burgonovo. Foto: IC Fotos/Pro Tork

Sobre * Equipe MOTONAUTA

Além disso, verifique

Evento inédito reúne gastronomia, as melhores motos do Brasil e muito lazer

Um evento diferenciado no qual o público poderá passar um final de semana divertido e ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *