BIGtheme.net http://bigtheme.net/ecommerce/opencart OpenCart Templates
Home / Com a palavra / Conhece Itaguaré?

Conhece Itaguaré?

Muitas vezes passei próximo, e nunca havia parado para conhecer Itaguaré, no litoral de São Paulo. O que encontrei? Praias charmosas, desertas, surf e paz, muita paz!

Itaguaré é considerada um dos últimos redutos expressivos de vegetação da Baixada Santista. A sua área de vegetação é ligada desde a praia até a Serra do mar, com cerca de 3 km², muito bem preservada é  frequentada principalmente por surfistas e  amantes de praias desertas, sem quiosques e construções.   Nada melhor que curtir uma praia sem movimento de turistas e comércio!!

Para conhecer esse paraíso , parti da Capital de  São Paulo, muito bem acompanhada, no piloto da BMW C600 Sport, segui pela imigrantes até a entrada para o Município de Bertioga ( Rodovia Rio/Santos).

Fugindo da Rota

Antes de chegar em Itaguaré , visualizei a Placa indicando Caruara, e claro que, curiosa  desviei caminho e entrei para conhecer. Depois de acelerar uma média de 1km, estava lá.

Caruara é um bairro de Santos, situado na divisa de Bertioga ( pelo rio Iriri/Macuco) e Guarujá ( canal de Bertioga). O lugar é belíssimo e também muito bem reservado. Fui até o porto, pedi um suco no Quiosque do Porto, onde só tinha a atendente , seu filho de colo e um cachorrinho. Um lugar bem deserto, mas simples e aconchegante. A paisagem? Nem se fala, o que levaria alguns minutos para matar a curiosidade do local, se transformou em mais de uma hora. Por ali fiquei relaxando, observando os pescadores em ação.

O nome Caruara significa “O vento que traz chuvas e trovoadas”. E de fato conversando com uma moradora, ela contou que muitas vezes a chuva se concentra apenas em Caruara, enquanto os arredores ficam iluminados com céu azul. Diz que depois de uma dessas fortes tempestades, o por do sol é realçado com um céu multicolorido. Me despedi e continuei…

Praia de Maitinga

Fiz outra parada antes de chegar no destino final. Maitinga, fica próxima ao centro de Bertioga, onde parei para almoçar em um restaurante natural, delicioso e baratíssimo. Logo que estacionei o scooter, pude avistar um bonito condomínio, casas de veraneio e pousadas. A praia fica bastante charmosa com diversos coqueiros espalhados pela praia. Aproveitei a praia para alugar uma prancha e praticar Stand up Padle  ( SUP), para quem não conhece é aquelas pranchas grandes onde você usa o remo para se movimentar em alto mar. Como entrei na agua, decidi me hospedar por ali mesmo, em Maitinga.

O destino principal – a  praia de Itaguaré

Pouco depois da entrada da famosa praia de Riviera , um pouco escondido , avistei a entrada para praia de Itaguaré, pilotando o Scooter em partes com areia, a aventura ficou ainda maior. Mas não seria necessário se eu não fosse teimosa, é possível estacionar a moto na rua e caminhar poucos metros até a Praia deserta de Itaguaré. Mas como gosto de um desafio…

A praia de Itaguaré está localizada no município de Bertioga, é um dos redutos selvagens da região, pouco falado e conhecido a praia é um paraíso. Fico imensamente contente quando encontro uma praia sem quiosques, casas e hotéis. Lá você tem que levar sua bebida e seu petisco e claro, levar seu lixo de volta e pelo que vi, os poucos frequentadores desta praia, são muito bem educados. Assim que cheguei, um motociclista estacionou a moto do meu lado. Conversamos por poucos minutos e perguntei à ele sobre a praia. André, é um garçom que mora em São Paulo e que sempre que tem uma folga , ele pega sua “motinho”, e vai meditar, relaxar e recarregar suas baterias e sempre em Itaguaré. A praia não tem luxo de atendimento e mordomias, mas tem rica paisagem, silêncio e o melhor um mar lindo de encher os olhos. Me despedi do amigo garçom, fiz uma foto minha no óculos espelhado dele e segui minha caminhada pela areia da praia.  Praia praticamente deserta, com alguns  pescadores, fiquei horas por ali curtindo a paisagem , o sol, a sombra e agua fresca. Não precisei de nada mais, tinha tudo!

As famosas ostras

Antes de voltar para Maitinga, logo na saída de Itaguaré, na rodovia Rio/Santos, existem vários quiosques instalados que servem porções de ostras frescas e frutos do mar. Eu apaixonada por ostras, me esbaldei e saboreei toda porção sozinha. Fechei o dia muito feliz, com a lembrança do porto em Caruara, do Surf em Maitinga , da paz e descanso  em Itaguaré .

Viagem linda  e relaxante, voltarei mais vezes!

Onde comer:

  • Silvino Ostras Restaurante
    Ligue: 13 3312-1900
    Rodovia Rio-Santos, Km 205
    Itaguaré, Bertioga
  • Índia das Ostras
    Ligue: 13 9778-0033
    Rodovia Rio-Santos, Km 205
  • Restaurante Dona Abobrinha ( comida natural)
    Av Anchieta , 722 – Bertioga

Onde ficar:

  • Cia do Mar Praia Hotel
    Av. Tomé de Souza, 2267 (Frente ao mar )
    Maitinga, Bertioga
    http://www.ciadomar.com.br
    ciadomar@ciadomar.com.br
    Tel. (13) 3317-2069

Texto e fotos: Eliana Malizia

Acelerada – adventure e lifestyle

 

Conhece Itaguaré?

Sobre * Equipe MOTONAUTA

Além disso, verifique

A trajetória de Ayrton Senna é contada em quadrinhos

Com sua genialidade dentro das pistas, Ayrton Senna da Silva conquistou muito mais do que ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *