BIGtheme.net http://bigtheme.net/ecommerce/opencart OpenCart Templates
Home / Noticia / Dupla de Rio Negrinho quer voltar em grande estilo ao Transcatarina

Dupla de Rio Negrinho quer voltar em grande estilo ao Transcatarina

Sete carros representarão a cidade na competição e organização adianta detalhes das duas primeiras etapas do maior rali de regularidade catarinense.

Se para quem competiu todas as edições do Transcatarina fazer contagem regressiva da próxima disputa já é um exercício de paciência, imagina para quem foi campeão e agora está voltando ao rali após três anos afastado. Luciano Mueller, melhor piloto da categoria Graduados do 1º Transcatarina, é um dos competidores que mais aguarda a edição 2012 do evento, marcado para os dias 18 a 21 de julho. O catarinense de Rio Negrinho teve compromissos pessoais nas edições anteriores, mas planeja desde 2011 o seu retorno a um dos maiores ralis de regularidade do país.

As lembranças de Luciano são as melhores possíveis da prova em 2009. O piloto voltará agora no grid da categoria Super Master e terá uma tarefa difícil pela frente: “2009 foi um ano muito feliz pra mim no Transcatarina! Ser campeão me marcou muito! Foram dias difíceis e ao final ver a família e comemorar o título é muito bom. Sei que agora na Super Master muitos são profissionais no esporte, mas vamos brigar também. Estamos fazendo toda a preparação possível”. Luciano estará a bordo de seu carro campeão, um Troller T4, sendo navegado por Márcio Pilz.

A dupla sabe que muita coisa mudou nesses últimos três anos, mas garantem que não estão enferrujados: “Em 2011, eu e o Márcio disputamos alguns campeonatos regionais, principalmente provas organizadas pela SC Racing. Acho que já temos por base como estará este Transcatarina. Sei que será uma boa prova, principalmente pelos comentários que todos nossos amigos de Rio Negrinho fazem. Acho que agora em 2012 vamos encontrar uma organização melhor e um rali com mais participantes. O carro já está preparado e nós dois também, psicologicamente e fisicamente”, comenta o empresário Luciano.

O navegador Márcio Pilz chegou a competir o 3º Transcatarina na categoria Jeep, porém um problema mecânico fez ele e seu piloto abandonarem a disputa na época, logo na primeira etapa. Mesmo assim, Márcio continuou acompanhando a prova com a equipe de apoio e só tem boas lembranças: “Sempre ouvi falar bem do Transcatarina e pesquisei sobre a prova. Tinha noção de que realmente era um evento bem organizado por conhecer por muitos anos quem o organiza. O que mais me marcou foi o entretenimento, a união dos próprios concorrentes entre si. Não imaginava que nas festas a animação do pessoal fosse tão contagiante!”.

Agora Márcio, que estará em uma nova categoria, sabe que a exigência será maior, mas a meta já foi estabelecida: “Tecnicamente, as planilhas do Transcatarina são muito bem desenhadas e as médias são justas, no último limite da segurança, ou seja, não é insegura de correr, mas ao mesmo tempo é rápida. O objetivo é ganhar, como todo mundo quer. Queremos andar bem e já começamos nossa preparação desde 2011. Agora no início do ano vamos disputar mais campeonatos para termos uma noção do patamar em que estamos para traçar novas estratégias”.

Além de Luciano e Márcio, mais seis carros de Rio Negrinho estão no grid do 4º Transcatarina, sendo mais um na Super Master, dois na Graduados, um na categoria Junior e outra dupla na Turismo Light. Até agora, há 157 pré-inscritos e as vagas são limitadas. Confirme sua vaga e garanta seu lugar neste rali, que já é um dos maiores do Brasil! Acesse o site www.transcatarina.com.br.

Roteiro do primeiro dia já está definido

O diretor de prova Wagner Souza está com os trabalhos adiantados para a quarta edição do Transcatarina. O percurso de cerca de 800 quilômetros está previamente definido, mas as duas primeiras etapas já estão levantadas e planilhadas. O primeiro dia de rali tem largada em Fraiburgo, pára em São Cristóvão do Sul na hora do almoço e depois segue à Lages. No meio do caminho, os jipes ainda passarão pelas cidades de Frei Rogério, Lebon Régis, Curitibanos, Ponte Alta do Norte, Correia Pinto e São José do Cerrito.

Neste ano, a SC Racing conseguiu a liberação de mais fazendas para a realização do rali, uma vez que muitos de seus trabalhadores não estarão nos locais pretendidos no mês de julho. Segundo Wagner, os competidores podem aguardar por fazer as melhores trilhas de todos os eventos, com grande quantidade de laços, pegadinhas e boas médias de velocidade. “Começaremos com pegadinhas nos pomares de maçã e se estiver muito frio os para-brisas poderão congelar. Ainda teremos uns dois reflorestamentos com a tradicional passagem pelo Rio Correntes, com 200 metros de largura. Em seguida, haverá um deslocamento para um ponto de apoio e depois mais três reflorestamentos de tirar o fôlego até a hora do almoço. Na segunda etapa, mais laços em trilhas rápidas, uma estrada estreita que leva a outra fazenda com mais laços, em seguida mais estradinhas de interior bem estreitas e cheias de curvas. Até Lages, ainda teremos mais ou menos uma hora e meia de diversão em mais três fazendas”, adianta o diretor de prova.

Os demais percursos estão em fase de definição e em breve a SC Racing divulgará mais detalhes.

O Transcatarina tem o patrocínio: Ensimec, Hotel Renar, Hankook Pneus, Troller e Santur.

Apoio: Prefeitura de Balneário Camboriú, Prefeitura de Lages, Prefeitura de Rio do Sul, Prefeitura de Fraiburgo, Prefeitura de Apiúna, Lave Bem Lavanderia, Recanto das Águas Resort e Spa, Grafimax, Revista Planeta Off Road, Blukit, Posto Brasília/Ipiranga, Ativa Comunicação, ATF Embreagens, Astra Embreagens, Trilha SC Troller, Reunidas, Megaforth, Governo do Estado de Santa Catarina, Funturismo e Secretaria de Estado de Turismo, Cultura e Esporte.

Supervisão: Fauesc. Realização SC Racing em parceria com o Jeep Clube de Blumenau.

Visite www.transcatarina.com.br
Siga no Twitter: www.twitter.com/transcatarina
Facebook: http://www.facebook.com/profile.php?id=100001818081240

?

AcelerAção Assessoria de Imprensa / Caroline de Paula. Foto: Junior Almeida

Sobre * Equipe MOTONAUTA

Além disso, verifique

14900347_910113489124132_252720699733563665_n

Campeonato Brasileiro de Supermoto manterá a configuração original para a última etapa da temporada.

Santos, 17 de novembro de 2016   Após analisar os regulamentos da CBM e FIM, ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>