BIGtheme.net http://bigtheme.net/ecommerce/opencart OpenCart Templates
Home / Mercado e Segurança / Fenabrave avança com o Grupo dos 20 no Brasil

Fenabrave avança com o Grupo dos 20 no Brasil

O programa analisa a situação econômica e financeira do concessionário e o ajuda a colocar em prática ações para alavancar melhores resultados. Para 2012, está prevista a criação de 13 Grupos, que reunirão mais de 200 concessionários.

A Fenabrave – Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores, entidade que representa 6,9 mil concessionários de veículos em todo o Brasil, firmou, em 2011, uma parceria com a NADA – National Automobile Dealers Association e trouxe ao Brasil o chamado Grupo dos 20 (NADA 20 Group). O programa, em funcionamento nos Estados Unidos há mais de 40 anos, já conta com a participação de 1,9 mil membros que formam 130 grupos de concessionários dos EUA, Canadá e México.

No Brasil, o Grupo dos 20 já conta com 52 concessionárias participantes, divididas em três grupos de trabalho. Cada grupo reúne empresas de portes semelhantes, porém, não concorrentes. O trabalho inicial aconteceu por meio de uma parceria firmada com a Abracaf – Associação que representa os concessionários Fiat de todo o Brasil e está sendo ampliado a outras marcas. “Este trabalho é sucesso no mercado norte-americano e já tem mostrado grandes resultados aqui no Brasil. A NADA nos forneceu a tecnologia de análise dos balanços e, com isso, estamos conseguindo levar aos concessionários brasileiros um serviço muito importante para suas operações”, explica o presidente da Fenabrave, Flávio Meneghetti.

Segundo o coordenador do Grupo dos 20 no Brasil, Diego Lobariñas Alvarez, o objetivo desta plataforma é poder analisar a situação econômica e financeira do concessionário, permitindo que seja comparada com os demais membros do Grupo. A partir desta análise, o concessionário identifica o que está e o que não está funcionando bem em seu negócio, além de identificar oportunidades. “Desta forma, o empresário identifica pontos fracos e as melhores práticas podem ser aplicadas em lugares que o desempenho não é satisfatório e, com isso, o setor da distribuição consegue crescer, ampliando a rentabilidade e as vendas”, comenta.

Os concessionários que participam do Grupo dos 20 têm acesso a um programa chamado O COMPOSITE – Ferramenta de Gestão. Mensalmente, esses distribuidores preenchem os formulários, sigilosos, que são enviados para a NADA processar. Está ferramenta possui 57 páginas de análise, onde o concessionário, depois de enviar os dados, acompanha os resultados mensais de sua empresa e o desempenho dos outros membros do Grupo. Por meio desta plataforma de gestão é possível obter o resultado de um balancete financeiro padronizado. Com os resultados compilados, os concessionários se reúnem, a cada semestre, para discutir os pontos de interesse e também traçar estratégias entre os membros do Grupo.

“Este programa aponta tendências, gráficos, detalhes departamentais, comparações, pontos vitais e fórmulas de cálculo, tudo para o concessionário obter melhorias financeiras em sua empresa”, detalha Alvarez.

Por meio dos recursos disponibilizados pelos concessionários, o Grupo dos 20 gerencia os negócios com referências comparativas buscando sempre otimizar os resultados.

Resultados e Perspectivas

O Grupo dos 20 já apresenta bons resultados depois dos primeiros meses de trabalho. Na última reunião, realizada em dezembro  de 2011, um bom exemplo de “benchmarking” foi apresentado aos concessionários deste Grupo. Um dos membros criou, em sua empresa, uma forma de acompanhar, diariamente, tarefas básicas do dia-a-dia, com o objetivo de melhorar processos de trabalho.

Foi criado um painel para o acompanhamento dos resultados individuais, que são atualizados todos os dias, e está posicionado estrategicamente na concessionária, onde todos os colaboradores têm acesso. Dentre os itens avaliados, estão a eficiência na produção (oficina), limpeza e organização, pontualidade, qualidade nos serviços e relacionamento pessoal.

Após 11 meses de acompanhamento, a concessionária conseguiu ampliar a produtividade em 9%, diminuiu em 75% as faltas e atrasos de funcionários, reduziu em 67% os retornos na oficina e conseguiu transformar o ambiente de trabalho melhor e sempre organizado. “Com todas essas mudanças, a concessionária evoluiu em 2% no índice de satisfação dos clientes”, comenta o coordenador do Grupo dos 20.

De acordo com Alvarez, ações como esta, farão com que a rede melhore seus processos e, consequentemente a sua produtividade. “O grande beneficiado será o consumidor, que terá mais agilidade e qualidade nos serviços e uma equipe preparada e motivada para atendê-lo”, complementa.

Segundo o coordenador, após a implantação do sistema da NADA e a fase inicial do projeto, a Fenabrave estima formar mais 13 grupos em 2012, envolvendo mais de 200 concessionários.

?

MCE- Mazzuchini Comunicação e Eventos S/C Ltda.

Sobre * Equipe MOTONAUTA

Além disso, verifique

honda

Clientes Honda ganham novo aplicativo para gerenciar consórcio

Disponível para tablets e smartphones, tecnologia permite o autoatendimento dos milhões de consorciados da marca ...

3 comentários

  1. Agora eu entendi! É um Grupo de 20 NADA…

    (a Fenabrave que me desculpe a ironia, mas nem quem é do ramo consegue entender esse release… rsrsrsrsrs)

  2. * Equipe MOTONAUTA

    Ola SZK

    Pelo que podemos entender, o próprio texto indica : ” … uma parceria com a NADA – National Automobile Dealers Association e trouxe ao Brasil o chamado Grupo dos 20 (NADA 20 Group). O programa, em funcionamento nos Estados Unidos há mais de 40 anos, já conta com a participação de 1,9 mil membros que formam 130 grupos de concessionários dos EUA, Canadá e México.”

    Esse foi o entendimento … 20 dos 130 grupos formados no NADA.

    Muito obrigado pela participação

  3. Tá, mas… é um Grupo de vinte o quê?

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>