BIGtheme.net http://bigtheme.net/ecommerce/opencart OpenCart Templates
Home / Mercado e Segurança / Harmonia no Trânsito

Harmonia no Trânsito

Novo projeto da Honda reúne ações em diversas frentes que visam contribuir com a segurança nas ruas e estradas do País

A Honda tem, como filosofia global, não apenas oferecer produtos de qualidade e tecnologia a seus consumidores, mas também proporcionar a eles condições de usufruí-los com segurança. Por isso, desenvolve em todo o mundo iniciativas voltadas à promoção de um trânsito mais harmonioso para todos – motoristas, motociclistas e pedestres.

No Brasil, esta filosofia já era colocada em prática antes mesmo de a empresa instalar sua fábrica de motocicletas em Manaus (AM), em 1976. Com o passar das décadas, as ações educativas em prol da Harmonia no Trânsito intensificaram-se cada vez mais e, atualmente, acontecem em várias frentes. Um exemplo é o trabalho desenvolvido nos Centros Educacionais de Trânsito Honda (CETH) e nos 70 Centros Educacionais de Trânsito das Concessionárias (CETC) distribuídos por todo o País, além do apoio a diversas ações de órgãos e entidades de classe, como a Abraciclo (Associação Brasileira dos Fabricantes de Motocicletas, Ciclomotores, Motonetas, Bicicletas e Similares), a Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) e Prefeituras de vários municípios.

A partir de agora, todas essas e as demais recém implantadas pela Honda estão reunidas em um único projeto – o Harmonia no Trânsito, que envolve todas as áreas da empresa na discussão e execução de programas que visem à melhoria do trânsito, a partir da educação. O projeto, além de manter as atividades já realizadas, conta com três novidades: as histórias em quadrinhos “O Super Motociclista”, o site “Honda Piloto Mais” e quadros especiais no Programa Auto Esporte, da Rede Globo.

O Super Motociclista

As histórias em quadrinhos desenvolvidas pela Editora Maurício de Souza Produções especialmente para o projeto Harmonia no Trânsito traz três histórias divertidas sobre pilotagem segura de motocicletas. Nelas, a Turma da Mônica transmite, de forma bem humorada, os conceitos de pilotagem defensiva e respeito aos protagonistas do trânsito. Entre os temas abordados estão a importância do uso de equipamentos de segurança e da obediência às leis de trânsito, além da postura ideal a ser adotada pelo motociclista e pelo garupa durante a pilotagem. Os materiais serão distribuídos a todos os novos clientes, juntamente com o Manual da motocicleta, no ato da entrega do modelo, totalizando mais de 1,5 milhão de exemplares por ano.

Site Honda Piloto Mais

É o mais completo site sobre pilotagem segura de motocicletas do Brasil. No endereço www.hondapilotomais.com.br, temas como técnicas de pilotagem, equipamentos de segurança, manutenção preventiva da motocicleta, entre outros, são abordados de forma completa, simples e didática. Há ainda espaços interativos como o Mural, no qual os internautas podem trocar experiências e discutir questões relacionadas à pilotagem com segurança; o Quiz, no qual o motociclista pode responder a testes e verificar qual seu nível de conhecimento sobre pilotagem defensiva; e Downloads, que disponibiliza wallpapers e screensaver exclusivos. Por meio do site, o motociclista também conhece as atividades desenvolvidas pela Honda nos CETHs e CETCs.

Dicas no Programa Auto Esporte

Com o objetivo de atingir massivamente os motociclistas e motoristas de todo o País, a partir de 4 de julho, a Honda terá espaços exclusivos no programa Auto Esporte, da Rede Globo. Neles, serão abordados diferentes temas sobre pilotagem segura de motocicletas, focando diversos pontos de vista e interagindo com os demais integrantes do trânsito, como automóveis, caminhões e pedestres. Entre os temas abordados estão a visibilidade do motociclista (importância de ver e ser visto); técnicas de pilotagem em curvas; a melhor maneira de lidar com as adversidades, como chuva, pisos irregulares e pilotagem noturna; técnicas de frenagem; posicionamento da motocicleta; e estratégia de condução PIPDE (Procurar, Identificar perigos potenciais, Prever o que vai acontecer, Decidir o que fazer e Executar a decisão).

Histórico

Em 1969, quando a Honda iniciou a importação de motocicletas do Japão, foram implantados os primeiros programas educativos, inicialmente destinados a policiais, órgãos públicos e empresas frotistas. A partir de 1974, os treinamentos foram intensificados e atingiram todo o País. Ministrados em locais públicos, os cursos de pilotagem atraíram milhares de pessoas, que assistiam a projeções audiovisuais e participavam de demonstrações práticas dos instrutores da Honda.

Entre 1974 e 1976, ocorreu um crescimento no mercado de duas rodas, com a entrada de modelos nacionais graças à construção da fábrica de Manaus (AM). Os esforços da empresa para a educação no trânsito aumentaram proporcionalmente, com a inauguração do Departamento de Pilotagem e de Cursos Volantes nas principais cidades do Brasil. Em 1978, surgiu o primeiro Centro de Pilotagem, em São Paulo, e posteriormente no Rio de Janeiro. Mais tarde, a empresa montou o Parque Honda que, além de possuir uma pista asfaltada, contava com outra para a prática off road.

Os anos 80 foram marcados por uma rede de concessionárias engajada nos programas de pilotagem com segurança. Na época, 13 delas já possuíam pistas próprias para o desenvolvimento de ações, e a Honda mantinha um ônibus especialmente equipado para o treinamento volante em todo o território nacional.

Ao completar 20 anos de atividade no Brasil, em 1989, o Centro de Pilotagem Honda lançou o programa “Pilote Numa Boa”. Composto por um auto-teste e uma série de materiais de apoio, como manuais e vídeos, a atividade inédita foi aplicada nas concessionárias da marca para os motociclistas interessados. O programa despertou o interesse no aprimoramento das técnicas de pilotagem e colaborou com o aumento da segurança no trânsito do País. O sucesso foi tanto que, em 1990, foi lançada a segunda fase, com perguntas mais abrangentes e técnicas.

A empresa não parou por aí e resolveu atingir ainda o público infantil. Partindo do princípio de que é entre os quatro e os oito anos de idade que a criança adquire os principais valores de conduta adulta, em 1992 a Honda lançou o “Clubinho Honda – Trânsito Amigo”. A ação ocorreu em conjunto com órgãos de trânsito e escolas para transmitir conceitos básicos sobre segurança, além de noções de respeito e cidadania. Todo o material didático tinha como personagem principal o Zupp – um bonequinho em forma de capacete. A fase inicial de implantação chegou a atingir 226 escolas de todo o Brasil e 56 mil crianças. Durante todo o ano de 1993, atendeu 1.238 instituições, totalizando mais de 350 mil alunos.

Centro Educacional de Trânsito Honda

Os Centros Educacionais de Trânsito Honda (CETHs), localizados em Indaiatuba (SP) e Recife (PE), oferecem cursos de pilotagem on e off road para frotistas, empresas privadas e órgãos públicos, como o Corpo de Bombeiros e a Polícia Militar, além de treinamentos voltados para a formação de instrutores da rede de concessionárias, palestras educativas, test drives e ações itinerantes por todo o País. No total, já treinaram mais de 126 mil motociclistas e mais de três mil instrutores de pilotagem desde o início de suas atividades.

Para alcançar o máximo de eficiência na transmissão das técnicas de pilotagem, os cursos equilibram teoria e prática. Os ensinamentos teóricos vão desde dicas de como checar todos os equipamentos da motocicleta até as leis de trânsito, equipamentos de proteção, postura adequada e noções de manutenção. Já nas instruções práticas, os participantes recebem orientações sobre frenagem, desvios de direção, procedimentos em curvas, comportamento em situações de risco, entre outros. Todos os participantes praticam as aulas em motocicletas do próprio CETH e são acompanhados por uma equipe de instrutores altamente capacitados. A carga horária, dependendo do curso, pode variar de oito a 32 horas.

A unidade de Indaiatuba (SP), foi inaugurada em 2 de março de 1998, com um investimento da ordem de US$ 3,5 milhões. Referência na realização de cursos nas áreas de pilotagem com segurança e educação no trânsito, possui uma área de 30 mil m2 destinada ao Centro de Pilotagem. O local abrange o prédio administrativo, duas salas de aula com recursos áudio visuais, escritório, biblioteca, salas de reunião e área de treinamento prático, permitindo atender diversos grupos simultaneamente. O CETH possui também simuladores de pilotagem compactos, nos quais os participantes podem vivenciar, virtualmente, as mais variadas situações do trânsito e se condicionar a reagir de forma segura. Já na parte externa, a pista de instrução de pilotagem on road é totalmente asfaltada e ocupa um espaço de aproximadamente 20 mil m2.

Seguindo os mesmos moldes do CETH de Indaiatuba, a unidade de Recife (PE) foi inaugurada em novembro de 2006, com a missão de aproximar o público regional das principais noções de segurança no trânsito. Com relação à infra-estrutura, conta com três áreas: uma com 700 m2, direcionada, entre outras funções, para a realização de aulas teóricas, outro terreno, com 20 mil m2, destinado à pista pavimentada para a aplicação da parte prática do curso on road, e a última, com 90 mil m2, que abriga uma pista off road, reservada à prática de pilotagem em vias não pavimentadas, trilhas e motocross.

“Desejamos harmonia no trânsito porque sonhamos com um mundo melhor”

Este foi o tema da campanha promovida pela Honda durante a Semana Nacional do Trânsito de 2008, com o objetivo de contribuir com a conscientização de motociclistas, motoristas, ciclistas e pedestres. Utilizando linguagem lúdica para inspirar as pessoas a exercerem sua cidadania e promoverem um convívio mais amigável no tráfego, a ação refletia a preocupação da empresa com o bem-estar da sociedade. A divulgação incluiu hotsite exclusivo, anúncio na revista Veja e nos principais portais, sites e blogs. A rede de concessionárias de motocicletas, automóveis e produtos de força também participou da campanha, distribuindo ao público o material da ação.

Moto Check-Up

Em 2009, a Honda apoiou as quatro edições do Moto Check-UP, evento promovido pela Abraciclo (Associação Brasileira dos Fabricantes de Motocicletas, Ciclomotores, Motonetas, Bicicletas e Similares) em parceria com seus associados. As ações, cada uma com três dias de duração, aconteceram nos meses de janeiro, maio, julho e agosto, nas cidades de Santos, Santo André, São Paulo e São Bernardo do Campo, respectivamente. No total, cerca de sete mil motociclistas participaram dos eventos, durante os quais mecânicos das concessionárias Honda avaliaram gratuitamente as condições mecânicas de 13 itens básicos das motocicletas e os instrutores do Centro Educacional de Trânsito Honda (CETH) deram dicas de pilotagem com segurança e instruções de como o motociclista deve se portar no trânsito.

Centros Educacionais de Trânsito das Concessionárias

Também engajada na promoção de um trânsito mais seguro, a rede de concessionárias Honda promove palestras, cursos e treinamentos sobre pilotagem segura de motocicletas aos consumidores e motociclistas de suas regiões. Os ensinamentos são transmitidos por instrutores formados pela própria Honda nos CETHs. Para ampliar ainda mais o alcance e a eficiência de suas ações, um número crescente de concessionárias já possui seu próprio Centro Educacional de Trânsito da Concessionária (CETC) – estrutura semelhante à disponível nos CETHs, com salas para as aulas teóricas e pista pavimentada para a prática. Até hoje, as ações educativas promovidas pelas concessionárias já atingiram mais de 62 mil pessoas.

Travessia Segura

A campanha educativa Travessia Segura – promovida pela Prefeitura da cidade de São Paulo em parceria com a Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) e as Secretarias Municipais do Trabalho e do Transporte, com o apoio da Honda – teve início em fevereiro de 2010, com o posicionamento de 120 orientadores em 19 cruzamentos críticos da cidade. A ação dos orientadores nos cruzamentos acontece de segunda a sexta-feira, das 9h às 15h, a fim de conscientizar a população a manter comportamentos seguros na travessia de ruas e cruzamentos. Além de aumentar o nível de atenção de motoristas e pedestres, o trabalho incentiva o respeito à sinalização e às regras do Código de Trânsito Brasileiro, orientando os pedestres a atravessarem nos locais seguros e sinalizados, de acordo com os estágios dos semáforos destinados a eles, e instruindo os motoristas a obedecerem às faixas de travessia.

Com a finalidade de envolver a comunidade no esforço de tornar a circulação de pedestres mais segura, a campanha conta também com apresentações de artes cênicas em cruzamentos, cursos para professores, atividades para alunos da rede pública de ensino da região, palestras em centros comunitários e empresas, caminhadas educativas e treinamento a motociclistas.

Site “Clubinho Honda – Trânsito Amigo”

Em maio de 2009, o programa Clubinho Honda – Trânsito Amigo ganhou um site exclusivo. Acessando o endereço www.clubinhohonda.com.br, pais e professores podem fazer download da história em quadrinhos “Duas Ruas e Quatros Aventuras”, dividida em cinco capítulos, durante os quais personagens infantis vivem aventuras que simulam situações do trânsito real. Personagens adultos (pais, professora e guarda de trânsito) também participam das aventuras, além de um super herói que ensina, de forma divertida, lições importantes sobre trânsito seguro. Além da história, o site também disponibiliza manuais com dicas de atividades educativas para realizar em casa ou na escola, tudo para introduzir as crianças no universo das ruas de nossas cidades com segurança e responsabilidade e para conscientizar os adultos, que convivem com essas crianças, a darem o exemplo com atitudes que promovam a harmonia no trânsito.

§

fonte : Linkpress Assessoria e Comunicação / Ricardo Ghigonetto

Sobre * Equipe MOTONAUTA

Além disso, verifique

honda

Clientes Honda ganham novo aplicativo para gerenciar consórcio

Disponível para tablets e smartphones, tecnologia permite o autoatendimento dos milhões de consorciados da marca ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>