BIGtheme.net http://bigtheme.net/ecommerce/opencart OpenCart Templates
Home / Noticia / Lançamento : DAFRA Roadwin 250R

Lançamento : DAFRA Roadwin 250R

– Motocicleta é produzida a partir de parceria estratégica entre a marca brasileira e a coreana Daelim e estará nas concessionárias a partir da próxima semana

– Modelo é o primeiro da DAFRA no segmento de 250cc e em breve receberá o reforço da street Next 250

Começa a chegar na próxima semana na rede de concessionárias a mini-esportiva DAFRA Roadwin 250R. O modelo foi apresentado oficialmente ao público no último Salão Duas Rodas e chega ao país a partir da parceria estratégica da empresa brasileira com a coreana Daelim.

O modelo tem preço público sugerido de R$ 12.490,00 e inaugura a entrada da marca no segmento de 250cc. Ainda no primeiro trimestre de 2012, a DAFRA recebe o reforço de outra novidade na categoria, a street Next 250, modelo em parceria com a SYM.

“Estamos muito felizes em apresentar aos motociclistas brasileiros a nova Roadwin 250R, nossa mini-esportiva e primeira motocicleta da categoria 250cc, que é um segmento em desenvolvimento no País, mas que possui muitos fãs”, diz Francisco Stefanelli, vice-presidente da DAFRA.

“Fizemos questão de lançar um produto com um belo design e esportividade em todos os detalhes, mas que tivesse um preço super competitivo. Aliás, a partir de agora, e também mais à frente com a chegada da Next, nossa linha começa a ficar mais completa e traz a possibilidade de ascensão do motociclista dentro de nossa marca. Esse é um dos nossos objetivos e estamos trabalhando para isso diariamente”.

?

Patrícia Fernandes / Coordenadora de assessoria de imprensa

Sobre * Equipe MOTONAUTA

Além disso, verifique

Kawasaki lança Vulcan S com novas versões para 2018

A Vulcan S chega ao mercado brasileiro em novas versões 2018 com novidades que tornam ...

3 comentários

  1. fabio catelan

    realmente todas as motos que tem origem da chima tem problemas com velocidade final,sendo que na china motos nao podem rodar em dodovias elas tem o projeto voltado para uso somente urbano . Dai a dificuldade em conseguir bons numeros em velocidade final .

  2. Achei caro pelo que oferece,e velocidade final fraca,
    mais uma para brigar na faixa 250,queria um de 400cc
    bi-cilíndrica

  3. fabio catelan

    sempre fico muito feliz em ver que novas marcas estao investindo no nosso mercado que esta carente de novos modelos de medio porte .pois os que nos temos ja estao um tanto batidos no mercado e muito procurados pelos bandidos imposibilitando a compra destas motos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *