BIGtheme.net http://bigtheme.net/ecommerce/opencart OpenCart Templates
Home / Sobre Autos / Monroe: calibragem correta dos pneus ajuda na conservação dos amortecedores

Monroe: calibragem correta dos pneus ajuda na conservação dos amortecedores

Fabricante oferece dicas de como manter as peças em ordem e sem degaste.

Quando foi a última vez que você calibrou os pneus de seu carro? Se faz mais de uma semana fique atento. Conduzir um automóvel com pneus sem a calibragem correta pode colocar em risco os ocupantes do veículo, desgaste de vários componentes, além de registrar um gasto extra na oficina. Este é o alerta da Monroe, líder mundial no desenvolvimento e fabricação de amortecedores, aos motoristas sobre a importância de verificar a calibragem de pneus, evitando possíveis corrosões no sistema de suspensão.

Ao passar por uma via irregular, os pneus são os primeiros componentes da suspensão a absorver os impactos e oscilações, transmitindo esses movimentos à suspensão. Desta forma, se os pneus estiverem desgastados ou descalibrados, haverá uma alteração significativa no repasse desses comportamentos ao amortecedor, sobrecarregando a peça.

“Se descalibrados, os pneus transmitirão para a suspensão do veículo movimentos exagerados, assim quanto pior as condições de rodagem, maior será a corrosão do amortecedor”, esclarece Juliano Caretta, coordenador de Treinamento da Monroe no Brasil. “A recomendação é que os pneus, bem como os amortecedores, sejam verificados no ato do rodízio, a cada 5.000 km ou conforme especificações do fabricante”, conclui.

Para garantir que os amortecedores não sofram desgaste por conta do mau uso do pneu, verifique se o mesmo é compatível com o veículo, conferindo o desenho da banda, o índice de carga e velocidade. É importante ressaltar que nunca devem ser usados pneus de medidas diferentes no mesmo veículo e o ideal é que os quatro sejam da mesma marca. Além disso, faça regularmente o balanceamento e alinhamento, e semanalmente, confira a calibragem dos pneus.

Revisão

A principal função do amortecedor é manter o contato permanente entre os pneus e o solo. Amortecedores danificados provocam o desgaste prematuro dos pneus, risco de aquaplanagem, balanço excessivo do carro, ruídos na suspensão e perda de estabilidade, diminuindo o controle em curvas e em pavimentos irregulares, oferecendo riscos para os ocupantes do veículo. Por isso, a Monroe aconselha a verificação dos amortecedores e do sistema de suspensão a cada 40.000 quilômetros ou conforme especificações do fabricante.

***

Printer Press Comunicação Corporativa

Sobre * Equipe MOTONAUTA

Além disso, verifique

Primeiro pneu fabricado no Brasil com eco-etiqueta

Cinturato P1 Plus é o novo produto voltado para o mercado de reposição dos segmentos ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *