BIGtheme.net http://bigtheme.net/ecommerce/opencart OpenCart Templates
Home / Noticia / Moto 1000 GP: líder da GP 1000 aposta em corrida “de coragem” em Curitiba

Moto 1000 GP: líder da GP 1000 aposta em corrida “de coragem” em Curitiba

Alan Douglas diz que etapa em Curitiba valoriza trabalho sem erros

Campeão de 2011 e líder da atual temporada do Moto 1000 GP, Alan Douglas prevê uma corrida bastante difícil na segunda etapa da categoria GP 1000, neste domingo (19) no Autódromo Internacional de Curitiba, em Pinhais. O paulista da Pitico Race, que venceu a prova de abertura do campeonato em Interlagos, entende que a etapa paranaense vai valorizar de modo especial a execução perfeita do trabalho durante o fim de semana.

“É uma corrida para sair vencedor quem errar menos. Isso vale para todas as corridas, é claro, mas aqui de uma maneira especial”, considera. “Em Interlagos, por exemplo, eu ganhei porque errei menos. Cometi um único erro durante a corrida e perdi a liderança, depois consegui recuperar. Mas não falo só dos erros na pilotagem. Na preparação, na escolha da relação acerta, de um bom acerto de suspensão. Não há espaço para erros”, alerta.

As características da pista paranaense impõem desafios adicionais. “Essa não é uma pista de técnica, é uma pista de coragem. Tem uma reta de quase um quilômetro para chegar lá no fim e encarar uma curva de segunda marcha, a uns 60 km/h. E tem um S de alta que desafia bastante, também. Eu corri poucas vezes aqui, umas três ou quatro, no máximo, não é uma pista em que eu saiba onde defender, onde fechar a porta”, ele ilustra.

Alan Douglas, João Simon e Pierre Chofard, os três pilotos da Pitico Race, ocuparam as três primeiras posições na classificação final da etapa em Interlagos, todos com motos Kawasaki, a mesma utilizada por Murilo Colatreli, o quinto. Em quarto ficou o argentino Luciano Robodino, com a BMW da Alex Barros Racing. “Nós cinco estamos no mesmo nível para buscar essa vitória, e há muitos pilotos daqui que podem surpreender”, aposta o líder.

A programação de treinos do Moto 1000 GP nesta segunda etapa tem início nesta sexta-feira (17), com quatro sessões livres para cada uma das três categorias. A corrida da GP 1000, que a partir desta etapa incorpora a classe GP Máster, terá largada às 13h55 do domingo, para 18 voltas pelo traçado de 3.695 metros do circuito paranaense. Antes haverá provas da GP 600, a partir das 10h50, e da GP Light, com largada às 11h50, ambas com 15 voltas.

As três corridas serão exibidas no domingo pela Record News e pela Record Internacional, com narração de Luc Monteiro, comentário de César Barros e reportagem de Ricardo Montesano. A transmissão terá início às 13h30.

***

Grelak Comunicação

Sobre * Equipe MOTONAUTA

Além disso, verifique

Harley-Davidson lança campanha global Discover More com foco na experiência do lifestyle da marca

Como parte da ação, a H-DB lança uma websérie com produção 100% nacional que incentiva ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *