BIGtheme.net http://bigtheme.net/ecommerce/opencart OpenCart Templates
Home / Noticia / Pro Tork espera conquistar mais dois títulos na Superliga Brasil de MX

Pro Tork espera conquistar mais dois títulos na Superliga Brasil de MX

Após Chumbinho erguer a taça na MX4, esperança é de que Balbi Jr. e Davis Guimarães façam a festa da equipe na MX Pró e MX3, respectivamente. Final será realizada nos dias 9 e 10, em Indaiatuba (SP)

A Pro Tork 2B Kawasaki Racing disputa neste fim de semana, dias 9 e 10, a quinta e última etapa da Superliga Brasil de Motocross, em Indaiatuba (SP). Milton “Chumbinho” Becker já garantiu o título antecipado na MX4. Agora é a vez de Antônio Jorge Balbi Júnior e Davis Guimarães fazerem a festa da equipe na MX Pró e MX3, respectivamente.

Balbi lidera a categoria principal com quatro pontos sobre o segundo colocado, o costarriquenho Roberto Castro. Apesar da pouca vantagem, o mineiro se mostra confiante na busca pela taça. Nem a pista, palco da última lesão, tira a concentração do atleta.

“Estou tranqüilo. Meu ombro está recuperado, voltei ao meu ritmo normal de treinos e, com isso, pude me preparar bem para a final. A lembrança do acidente no GP Brasil de Motocross, em maio, não me assusta. Eu adoro aquele lugar, tenho mais recordações boas do quem ruins, inclusive, já fui campeão brasileiro lá”, destaca.

Davis terá um desafio maior em sua classe. O paranaense ocupa o segundo lugar na classificação da MX3, com nove pontos a menos que Cristiano Lopes. Para comemorar o bicampeonato, o piloto precisa vencer a corrida e torcer para que Cristiano termine em quinto lugar.

“Apesar da dificuldade, mantenho o pensamento positivo. Tudo pode acontecer, o campeonato só termina após a última bandeirada. Fiz a melhor preparação que pude para ganhar a prova. Não gosto muito de contar com a sorte, mas, espero que ela esteja ao meu lado”, comenta.

Confira a classificação:

MX Pró

1) Antônio Jorge Balbi Júnior – 153 pontos (Pro Tork 2B Kawasaki Racing)
2) Roberto Castro – 149 pontos
3) João “Marronzinho”Paulino – 137 pontos
4) Eduardo Lima – 97 pontos
5) Leandro Silva – 92 pontos

MX3

1) Cristiano Lopes – 81 pontos
2) Davis Guimarães – 72 pontos (Pro Tork 2B Kawasaki Racing)
3) Massoud Nassar – 69 pontos
4) Richard Bermudez – 68 pontos
5) Flávio Britto – 50 pontos

MX4

1) Milton Chumbinho Becker – 100 pontos (Pro Tork 2B Kawasaki Racing)
2) Ricardo Kaphê Sebbe – 71 pontos
3) Alessandri Dias – 67 pontos
4) Leopoldo Cherobin – 66 pontos
5) Dario Jr – 61 pontos

A Pro Tork 2B Kawasaki Racing conta com o apoio de Dash Industries.

?

fonte: Pro Tork / Daniela Burgonovo. Foto: Divulgação Pro Tork

Sobre * Equipe MOTONAUTA

Além disso, verifique

Evento inédito reúne gastronomia, as melhores motos do Brasil e muito lazer

Um evento diferenciado no qual o público poderá passar um final de semana divertido e ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *