BIGtheme.net http://bigtheme.net/ecommerce/opencart OpenCart Templates
Home / Avaliações / Scooter Suzuki Burgman 125i … uma pioneira

Scooter Suzuki Burgman 125i … uma pioneira

Basta olhar para qualquer lado nos grandes centros para encontra-las em grande número

Você vê rodas pequenas, escudo que protege da sujeira / chuva e geralmente pessoas bem vestidas as estão pilotando.

Estamos falando dos scooters, a categoria que no passado era esquecida, com poucas opções disponíveis, motores 2 tempos e mal tratada por quem pilotava uma motocicleta. Era comum ouvir “isso não presta, não anda e é para pessoas preguiçosas”. O pessoal falava o mesmo dos carros automáticos!

Hoje temos uma invasão nas ruas. A poucos anos nós riamos quando falavam que o “scooter é a evolução da motocicleta”. O crescente número de vendas da categoria nos mostra que esta afirmação pode ser verdadeira. A frota circulante de motonetas/scooters passou de 411 mil no ano 2000 para 2,7 milhões em 2012 e hoje representam 14,8% dos veículos de duas rodas.

A Suzuki Burgman foi a pioneira nesta “invasão” dos scooters. Lançada em 2005 abriu caminho e mostrou que um scooter pequeno era viável nas grandes cidades brasileiras.

Foi um sucesso de vendas e permaneceu líder até o lançamento da Honda Lead 110 em 2009 que veio equipada com injeção eletrônica enquanto a Burgman 125 era equipada com carburador.

Em 2011 a Suzuki lançou a nova Burgman 125i com a dura missão de reverter esta situação. Agora com injeção eletrônica e novo visual ganhou folego para entrar nesta briga.

No quesito design, a Burgman 125i é muito bonita e bem acabada. Sua pintura tem ótima qualidade e as peças se encaixam bem e não produzem ruídos plásticos quando em movimento.

O escudo frontal tem desenho moderno e bonito, seu farol assim como os piscas são embutidos e tem ótima iluminação. Na parte de trás do escudo tem um útil porta documentos com chave (a mesma do contato) e um também útil e resistente gancho para pendurar sacolas.

Os retrovisores são grandes e pintados na cor do scooter. Estão bem posicionados e proporcionam boa visibilidade traseira mesmo para pilotos robustos.

O banco tem uma boa quantidade de espuma e em conjunto com a suspensão do scooter aliviam as pancadas na coluna do piloto.

A enorme lanterna traseira possui ótima visualização e tem os piscas embutidos harmonizando muito bem com o conjunto.

As alças do garupa são integradas com o bagageiro que facilita a instalação de um bauleto. Um item praticamente obrigatório devido ao pequeno espaço existente embaixo do banco do Burgman, insuficiente para colocar um capacete integral.

O garupa também dispõe de um banco confortável e pedaleiras retrateis bem posicionadas e facilmente acionadas.

O painel com fundo branco tem luz espia para o funcionamento do sistema de injeção eletrônica, indicador de setas, indicador de farol alto, medidor de gasolina e hodometro total. Como na maioria dos scooters faz falta o hodometro parcial e também um relógio, itens cada vez mais comuns.

O motor de exatas 124 cm3 gera 9 hp a 7500rpm e 0,95 kgf.m a 6000rpm o suficiente para fazer o Burgman 125i atingir 105 km/h indicados no painel ou 98,3 km/h reais. Um ótimo número para o pequeno scooter e o suficiente para enfrentar o transito rápido de grandes avenidas.

No uso diário mostrou agilidade nos corredores e potência suficiente para acompanhar as motos utilitárias. Um bom ângulo de esterço aliado as rodas de 10 polegadas permite que se manobre entre os outros veículos de maneira muito rápida.

Pilotos de mais de 1,80 metros devem tomar cuidado nas mudanças de direção pois o guidão quando esterçado atinge os joelhos e pode fazer com que você perca o controle. Esta característica é comum a praticamente todos os scooters pequenos a venda no Brasil, inclusive na líder do mercado. Mas com um pouco de costume você aprende a se posicionar de maneira a minimizar esta característica.

A mesma agilidade que as rodas de 10 polegadas proporcionam na maneabilidade é um dos responsáveis pelos problemas que devemos enfrentar quando as ruas estão com o pavimento em mal estado.

Aliada a suspensão de pouco curso (como em todos os scooters de baixa cilindrada) e sua roda pequena, fazem com que o scooter “pule” muito quando passamos por buracos em que uma motocicleta passaria facilmente. O banco confortável e com boa espuma faz com que estas pancadas não cheguem totalmente ao piloto, porém rodar em alta velocidade em ruas em más condições podem levar o piloto (mesmo experiente) a perder o controle e ir para o chão. Portanto o piloto deve ter consciência das limitações de desempenho e ciclística deste tipo de veículo.

O freio dianteiro mostrou boa potência, porém com acionamento um pouco borrachudo. No freio traseiro há muita potência, o suficiente para travar a roda com certa facilidade.

Na hora de abastecer é uma alegria. O tanque de gasolina com capacidade de 6 litros é capaz de fazer a Burgman rodar aproximadamente 250 km, com uma média que variou entre 38 e 41km/l.

Uma cidade com o transporte público precário como São Paulo, com congestionamentos cada dia maiores, um veículo pequeno, prático, ágil e econômico como o Burgman 125i lhe proporcionará muitas alegrias.

Mais informações : http://www.suzukimotos.com.br/MOTOCICLETAS/Burgmani.aspx

Sobre Claudinei Cordiolli

Analista de Negócios formado pela Unibero, empresário no ramo de ERP´s para o setor Imobiliário. Participação em diversas provas de Enduro no final da década de 1990 e início dos anos 2000 mudou para a pilotagem esportiva onde continua pilotando (mas não competindo) até hoje. Apaixonado por Fotografia fez trabalhos para diversos sites e para o Jornal Diário de São Paulo. Hoje faz fotografia esportiva para a Taça São Paulo de Supermoto e trabalhos de freelancer. Atual colunista do site Motonauta para a seção de Avaliações e alguns editoriais sempre apresentando ao público sua opinião sem ter o "rabo preso" com nenhum fabricante ou marca.

Além disso, verifique

Versys 1000

Kawasaki Versys 1000 é diversão garantida

Há uma coisa estranha acontecendo na categoria de moto aventura. Toda a categoria foi criada ...

17 comentários

  1. Andrés Meier (APM)

    Tenho uma e uso todos os dias, APROVADA…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>