BIGtheme.net http://bigtheme.net/ecommerce/opencart OpenCart Templates
Home / Noticia / Superliga de MX – Gabriel Montagner e Arthur Todeschini levam o título da CRF 230 e 65cc

Superliga de MX – Gabriel Montagner e Arthur Todeschini levam o título da CRF 230 e 65cc

O parque Beto Carrero World, em Santa Catarina, recebeu neste final de semana as últimas corridas da temporada da Superliga Brasil de Motocross e no primeiro dia das disputas, já se revelaram os campeões nas categorias CRF 230 e 65cc

Gabriel Montagner

Regular em todas as etapas, Gabriel Montagner da monomarca CRF 230 volta para casa com o título da categoria e o seu primeiro na carreira. O piloto venceu a 1ª etapa realizada em Indaiatuba, interior de São Paulo, e nas demais esteve sempre presente entre os cinco primeiros do pódio, acumulando 125 pontos que lhe renderam a ponta do campeonato. Na corrida do dia, terminou em terceiro, atrás de Ismael Rojas e do vencedor da prova e vice do ranking geral, Marcos Moraes. Eduardo Rosin e Jackson Keil finalizaram o pódio na 4ª e 5ª colocações.

Moraes fez o holeshot e liderou de ponta a ponta, fazendo o circuito em nove voltas e um total de 21:30.561s. Montagner não largou bem e chegou a andar em quinto, vendo o título se distanciar, mas logo se recuperou. “Corro há oito anos e veio agora meu primeiro título. A CRF 230 foi um trampolim para passar para as outras categorias. Estou muito feliz, foi muito difícil participar principalmente das provas do Nordeste. Agradeço ao meu mecânico Boiadeiro, meus patrocinadores e minha família, que me deram muita força quando mais precisei”, comemorou Montagner, que já planeja migrar para a MX2 na próxima temporada.

Na 65cc, Arthur Todeschini venceu a corrida final e a temporada 2012 da competição. Na última corrida, Leonardo Cassaroti liderou boa parte da prova até Todeschini tomar a liderança e levar a primeira bandeirada. Renato Muguinho ficou com a 2ª posição, Cassaroti em 3º, Leonardo Feitosa em 4º e Leonardo Nunes na 5ª colocação.

O catarinense somou quatro vitórias em todo o campeonato uma 3º e 2º posições. No total, conquistou 142 pontos, 27 a frente do seu principal adversário, Renato Muguinho. “É muito bom ser campeão. Estou muito feliz, dedico a minha família, meu mecânico e todos que me ajudaram a chegar aqui”, agradeceu Todeschini.

Todos os resultados estão disponíveis em: http://www.superligamotocross.com.br/resultados.aspx?etapaId=12&etapa=6

***

RPress Assessoria / Rafaela Abrantes

Sobre * Equipe MOTONAUTA

Além disso, verifique

Evento inédito reúne gastronomia, as melhores motos do Brasil e muito lazer

Um evento diferenciado no qual o público poderá passar um final de semana divertido e ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *